Como Sonham Liberais e Conservadores

O sonho é um estado diferenciado de consciência. Ele surge naturalmente durante o sono, outro estado diferenciado que, via de regra, decorre da criação mental, intrapsíquica da pessoa que está dormindo.

Geralmente o sonho é uma profusão de imagens e outras sensações de conteúdo simbólico e arquetípico, uma sucessão de situações por vezes absurdas e incoerentes.

Contudo, sabemos que existem sonhos diferentes desses comuns. É o caso, por exemplo, dos sonhos lúcidos, quando a pessoa conscientiza-se de que está sonhando. Quando isso ocorre, a pessoa pode estar projetada, fora do corpo físico, ou não.

Recente pesquisa divulgada por pesquisadores das universidades californianas (EUA) The GraduateTheological Union e Hohn F. Kennedy, descreve curiosa constatação. A partir do levantamento do padrão dos sonhos de pessoas que possuem posicionamento político claramente definido, liberal ou conservador, verificou-se que o primeiro grupo,  de pessoas que se posicionam como liberais, costumam ter sonhos mais surreais como voar ou conversar com alguém que já morreu (- – – isso lhe parece familiar? – – -) ao passo que os segundo grupo, de pessoas que se posicionam como conservadoras, os sonhos costumam ser reproduções de situações rotineiras, como estar fazendo algo no trabalhou ou em casa.

Segundo Kelly Bulkeley, líder do estudo que analisou os sonhos de 234 voluntários (134 liberais e 100 conservadores), a pesquisa indica que existe uma conexão entre o sonho e a ideologia da pessoa.

Outras constatações da pesquisa foi que conservadores dormiam por mais horas e, sob certo ponto de vista* melhor que os liberais. Em compensação, esses tem um pouco menos pesadelos que os conservadores, assim como lembram-se um pouco melhor de seus sonhos.

Em termos de recordação, em uma escala de 1 a 5, os liberais tiveram nota 3,9 contra 3,5 dos conservadores. Em termos de pesadelo, tiveram 85% de incidência contra 89% dos conservadores.

A conclusão, segundo Bulkeley, é que conservadores podem dormir um pouco mais tranquilos, enquanto liberais tem sonhos mais ativos. Mais ainda, o estudo parece indicar que liberais tem um escopo mais abrangente de sonhos, mais elementos fantasiosos (como voar) e que são menos apegados a realidade mundana.

Naturalmente, vozes levantaram-se tanto a favor como contra os resultados. Quem é a favor, afirma que os resultados não indicam nada além do que já é conhecido e quem é contra alega que a pesquisa não tem parcialidade científica e que tem interesse político (afinal, a pesquisa foi divulgada em plena campanha presidencial dos EUA).

Seja como for, para mim está bem claro óbvio. Posicionamento político é algo envolvente. Se a pessoa é conservadora, prefere que tudo fique do jeito que está, é natural que ela siga o ritmo natural da intrafisicalidade. Se é liberal, anseia e aprecia mudanças, se desliga um pouco da intrafisicalidade e dá abertura para o contato com outras dimensões.

Se você desejar ler a pesquisa original, clique aqui.

Notas

* “Melhor” no caso, é a pessoa que tem um sonho “certinho”, sem fantasias ou surrealismos, só rotina.

Livros:

Livro Estado VibracionalLivro Experiências Fora do Corpo - Fundamentos

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s